A Mulher Cristã e o Seu Ministério

Assim como há um tempo de grandes mudanças para a igreja em todo o seu desenvolvimento eclesial, assim também haverá um novo começo para a história das mulheres, frente a sociedade moderna e a sua função no cumprimento efetivo do seu papel de uma forma mais abrangente.

Dia 08 de março foi declarado “O dia internacional da mulher” porém, sabemos, que não dependemos desse único dia no calendário anual, para sermos reconhecidos como esposa, mãe, filha, amiga e mulher. Nossas atitudes mudam quando decidimos romper com alguns paradigmas que nos envolvem; para isso devemos exercer o MODELO, o ESPELHO; sendo um exemplo de fidelidade, um caráter irrepreensível, usando uma linguagem que deve ser considerada como linguagem sadia ou saudabilíssima, se é que assim podemos dizer. A palavra declara que a boca do justo manancial de vida (Pv 10:11 a).

A mulher foi criada por Deus para ser a sua imagem e semelhança (Gn 1:27). A mulher (Eva) mãe de multidão foi tirada de uma das costelas de Adão. Costela é a íntima comunhão dos dois, para ser uma só carne. A mulher foi criada para ser ajudadora do homem (Gn 2:18-20), para ser a glória do homem (I Co 11:7b, 11, 12) “Pois o homem, na verdade, não deve cobrir a cabeça, porque é a imagem e glória de Deus; mas a mulher é a glória do homem”.

Todavia, no Senhor, nem a mulher é independente do homem, nem o homem é independente da mulher. Pois, assim como a mulher veio do homem, assim também o homem nasce da mulher, mas tudo vem de Deus”. O papel da mulher é de fundamental importância, porque ela gera, tem útero, somente um útero fértil poderá frutificar. Podemos usar essa linguagem tanto no âmbito físico como no espiritual, uma vez que a igreja representada como a Noiva de Cristo, que é considerada como a figura de uma MULHER.

Já estamos consciente das nossas responsabilidades e conscientes do cetro de autoridade a nós outorgado (Sl 110:2). Por isso cremos piamente que muitas mudanças (vicissitudes) já aconteceram com relação à posição da mulher na sociedade, há novas interpretações não somente em nível secular como interpretações da própria história em nível eclesiástico. Hoje estamos precisando voltar à nossa rica fonte de ensinamentos inesgotáveis, a Bíblia, a palavra de Deus e estudá-la focalizando a mulher.

O profeta Malaquias profetizou que no final dos tempos seria liberada a unção de Elias. Elias era a semelhança de Melquisedeque (Gn 14:18; Hb 7:3). Nós mulheres, declaramos que já recebemos essa unção dotada de grande autoridade espiritual. Deus escolheu as mulheres como as primeiras testemunhas. Os apóstolos eram homens que tinham sido testemunhas da vida, morte e ressurreição (At 1:22). Atos 10 diz que as testemunhas da ressurreição foram pré-determinadas por Deus.

As mulheres que tiveram o Encontro com Jesus naquela manhã de domingo, não foi por acaso, foi planejado por Deus. Elas foram escolhidas especialmente, Jesus as mandou pregar ao povo e testificar. Isso é tarefa da TESTEMUNHA. Deus mandou um anjo tirar a pedra para as mulheres se tornarem testemunhas do túmulo vazio (Mt 28:1-8). Devemos seguir o exemplo de Jesus em tudo que Ele fez. Ele é e sempre será o nosso referencial de fé, amor, pureza, de uma vida e um caráter servil. Jesus teve atitudes boas para com as mulheres como nenhum outro teve; o fato de Jesus não fazer nenhuma diferença entre homens e as mulheres isto é algo para ser freqüentemente comentado. Jesus tratou as mulheres como pessoas responsáveis. Mt 26:13; Mc 14:9.

Mediante este tão grande referencial do nosso Mestre Maior por Excelência, queremos dizer que as mulheres têm convicção da importante função a ser desempenhada como discípula, que agora gera e dá fruto, tem o coração de mãe, e sempre fará crescer essa chama ardente por ser mãe de multidões.

Deus nos chama a uma maior conscientização nesse processo de recobrar a autoridade que temos; Ele sabe investir em nossos filhos e filhas que são obedientes à sua Palavra. Através de uma vida de santidade nós vamos crescer na frutificação e o resultado será satisfatório porque haveremos de colher muitos frutos no processo da multiplicação.

Essa visão veio para despertar o líder e o seu nível de liderança que já havia em você, MULHER SANTA. Não se esqueça que dentre a multidão Jesus formou caráter.

Prossiga em alcançar novas metas, atingir novas alturas e conquistar novos territórios, vencendo todos os obstáculos. Que as bênçãos do nosso Deus repousem sobre cada uma de nós. “Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nas regiões celestes em Cristo.” (Ef. 1:3).

Apóstola Ana Marita Terra Nova

Esta entrada foi publicada em Uncategorized. ligação permanente.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s